A importância de ficar offline: como se desconectar durante o trabalho pode ajudar na sua produtividade

As distrações online nos desconcentram e nos afastam do nosso trabalho e objetivos

Deixar o celular de lado e ignorar ligações e as notificações do e-mail pessoal e das redes sociais por algumas horas pode ser muito benéfico para a produtividade. 
 
Nós aqui na MetLife também passamos pelo desafio diário de nos desconectar do mundo online em busca de produtividade e de melhorias na qualidade de vida durante a jornada de trabalho, por isso decidimos compartilhar com você o nosso aprendizado. 

 
Até que ponto a conectividade é positiva? 

Sabemos que a internet é uma fonte preciosa de informações e até ferramenta de trabalho para muita gente, mas é inegável que há “armadilhas” na web que podem tirar totalmente o nosso foco. 

No âmbito de trabalho, hiperconectividade e produtividade são índices inversamente proporcionais. Na medida em que um cresce, o outro inevitavelmente baixa.  
 
Não que você esteja proibido de olhar uma mensagem no WhatsApp ou checar uma interação no Instagram durante todo o período, mas não é difícil exagerar. Portanto, quando estiver trabalhando, tente melhor manter o celular longe por algumas horas. 

 
Estabeleça limites e se organize 

O e-mail é uma fonte de informações importante e pode ter mensagens que vão auxiliar você no trabalho que está realizando. No entanto, não é necessário ficar checando a sua caixa a cada 5 minutos. A melhor solução é determinar um momento específico (ou momentos) para ler os e-mails durante a jornada de trabalho.

Em relação ao Facebook e outras redes sociais, a dica é clara: se elas não forem ferramentas para o seu trabalho, desative as notificações para escapar da tentação de olhar os seus perfis várias vezes por dia.  
 
O risco do exagero no mundo hiperconectado 

Desde criança somos ensinados a seguir alguns códigos comportamentais ou de etiqueta para agir diante de determinadas situações. Como agradecer quando fazem algo por nós, como nos portar em uma entrevista de trabalho e até mesmo como agir em um jantar. 
 
Porém, em meio aos avanços tecnológicos e mudanças da sociedade, ninguém nunca nos ensinou qual o comportamento adequado na relação com o celular. 
 
Segundo estudos, desbloqueamos a tela diariamente entre 80 e 110 vezes. Agora, imagine esse número em um ano inteiro! Muitas vezes sem perceber, estamos repetindo um comportamento caótico no uso dessa ferramenta.  
 
É incrível a capacidade que temos hoje em dia de nos conectar em qualquer lugar e a qualquer momento, seja para conversar com quem está longe, fechar negócios, assinar contratos, transferir documentos e até mesmo dinheiro. 

Porém, como tudo na vida, é necessário dosar a medida correta de todas essas possibilidades em nossa rotina para manter o equilíbrio.