Aprenda a identificar mentores próximos a você

Para que contratar um consultor se ao seu lado você pode ter alguém disposto e capacitado a ajudar?

No mundo contemporâneo, regido pelo conhecimento, não são raras as vezes que buscamos ajudas dos "gurus" e "mentores". Figuras quase míticas que, dotadas de grande saber, vão nos dar as direções que faltavam para a solução das mais variadas questões pessoais e profissionais. Contudo, erra quem pensa que tais figuras existem apenas fora de nosso convívio. Muitas vezes, eles estão na mesa ao lado.

Nós da MetLife trouxemos algumas dicas para você aprender a olhar em volta e identificar mentores importantes para a sua carreira até mesmo no almoço de família.

Valorize colegas com mais tempo de casa que você

Em vez de buscar ajuda externa, dê uma boa olhada ao redor, no seu andar e lembre-se daquele profissional que está há vários anos absorvendo a cultura da empresa. Ele, provavelmente, terá insights valiosos que podem economizar muitas horas de trabalho do seu lado.

Participe de grupos sérios de discussão em redes sociais verticais

Se a presença real não se fizer atuante, sem problemas. Você pode contar também com uma ajuda virtual. Em redes sociais verticais (dedicadas a um único tema, para ficar mais claro), grupos de discussão costumam acumular conhecimento de experiências próximas à sua. Redes como o Linkedin e o Quora são exemplos claros disso. E até mesmo o Facebook, que tem um direcionamento mais voltado para o pessoal, em seus grupos fechados costuma guardar pérolas de conhecimento das mais variadas áreas. Isso sem falar do Network. 

O segredo neste tipo de estratégia é observar durante algum tempo o comportamento dos grupos selecionados, utilizar a ferramenta de busca para garimpar questões levantadas e debatidas em outras épocas e, assim, retirar o máximo do ambiente. Com o tempo, você até mesmo poderá colaborar tirando as dúvidas dos novatos.

Conheça a história profissional de seus amigos e família

Muitas vezes, o mentor que você tanto sonhou sequer está na empresa. E isso é bom. A família costuma guardar entre os seus membros mais vividos valiosas informações de áreas correlatas à sua ou até mesmo experiência de vida, importante para tomada de decisões. Que tal, então, ressignificar o almoço de domingo? Após a sobremesa, tirar aquele tio de lado, que já foi superintendente em um grande banco e trocar uma ideia?

Esteja aberto à novidades e para sair de sua zona de conforto

Receber a mentoria de um colega de trabalho, de um amigo virtual ou até mesmo de um parente mais idoso requer que você esteja preparado para abandonar um lugar seguro e sem atribulações chamado "zona de conforto". 

É um exercício difícil de se fazer, as práticas corriqueiras, em alguns casos, estão registradas em nosso inconsciente de forma a não conseguirmos enxergar alternativas mas, vale lembrar, a evolução só acontece quando a gente aceita abandonar práticas que não deram tão certo e partimos para outras. Pense nisso!