Dia Nacional do Surdo-Mudo

Educar e lidar com as diferenças, tratando-as de forma igualitária.

23 de fevereiro é o dia de celebrar o Dia Nacional do Surdo-mudo. A data busca ajudar a promover iniciativas inclusivas, além de ressaltar as conquistas da Comunidade Surda e sua luta pela inserção dos surdos na sociedade.

A pessoa surda-muda caracteriza-se por ter a ausência da audição e da fala, porém suas limitações não alteram sua aptidão de aprendizado, o que permite que ela aprenda e possa conviver perfeitamente com as pessoas consideradas “normais”. Muitos indivíduos possuem voz e conseguem falar, porém, é necessário estimulá-los para que isso aconteça. 

É suma importância que ele conviva com todas as pessoas na sociedade, não somente as surdas ou mudas, afinal esse é um modo de desenvolver seus sentidos. Para isso, é necessário que a inclusão aconteça em todas esferas da sociedade e que todos respeitem seus direitos como cidadão.

A capacidade do surdo-mudo é tão grande que ele é capaz de realizar diversas atividades, basta apenas, que ele desenvolva os outros sentidos através de estímulos para que se desenvolvam.

A Língua Brasileira de Sinais (Libras) é uma forma fácil e objetiva para incluir pessoas com limitações de audição e fala no processo de comunicação. Os sinais são combinações de mãos, movimentos e de pontos de articulação - locais no espaço ou no corpo onde os sinais são feitos -, além de expressões faciais e corporais.

Qual a importância de aprender Libras?

Aprender Libras é uma ótima oportunidade para comunicar-se e conhecer melhor a comunidade surda e muda, dessa forma, é possível eliminar barreiras de comunicação em todos os níveis da população e garantir um diálogo mais assertivo e justo. Assim garantido a inclusão dos deficientes auditivos na sociedade.

A MetLife Global, como empresa com grande responsabilidade social que acredita e defende a diversidade e inclusão, criou O MDA - MetLife DiverseAbilities é uma iniciativa de inclusão e conscientização sobre deficiência entre os colaboradores, clientes e comunidades da MetLife; promove uma cultura em que os colaboradores se sentem capacitados para atingir seu pleno potencial por meio da inclusão.

Em julho de 2020, O comitê MDA, teve a iniciativa de criar e divulgar aulas gratuitas de libras para os colaboradores, feitas voluntariamente pelos integrantes do comitê. As vídeo aulas ocorrem a cada 15 dias através de conferências via Webex abertas a todos os colaboradores. Intercaladas com elas, são disponibilizadas nas outras duas semanas do mês vídeo-pílulas de Libras, pequenos vídeos ensinando palavras diferentes daquelas aprendidas em aulas.

Conheça mais sobre iniciativas de diversidade e inclusão, e o comitê MDA da MetLife.

Alfabeto-em-libras