Entenda a diferença entre vocação e talento

Podem até parecer que são a mesma coisa, mas talento e vocação têm suas diferenças básicas

Nesse mundo competitivo em que vivemos, as pessoas precisam encontrar uma forma de aprimorar suas habilidades para colocá-las em prática, seja no trabalho ou em casa. Mas você já se perguntou alguma vez se isso é considerado uma vocação ou um talento? Por mais que possam parecer a mesma coisa, existem algumas diferenças básicas entre eles. 

Nós da MetLife não medimos esforços para lhe oferecer vida plena, equilíbrio e bem-estar, além de sempre estarmos ao seu lado, de todas as formas. Por isso, conheça agora a diferença entre vocação e talento para que você entender com qual dos dois você é dotado. Afinal de contas, todos nós temos boas coisas. 

Vocação

A palavra vocação significa “chamado” em latim. É algo intrínseco e que já nasce com a gente. Podemos dizer que a vocação é uma tendência ou habilidade nata que leva uma pessoa a exercer uma determinada profissão ou carreira. É algo que nos põe em movimento e até abala nossas convicções, ou seja, vem de dentro de nós e não precisa ter uma lógica estruturada. O problema é que muitas pessoas têm lindas vocações, mas não as colocam em prática por medo de julgamentos alheios ou por insegurança mesmo. Dar o primeiro passo, esse é o segredo!  

Talento

Já o talento é a habilidade que podemos ou não possuir para chegar a algum lugar para cumprir nossa vocação. Podemos dizer que o talento, na sua essência, é a habilidade com que se realiza algo. Ele pode ser aprimorado, descoberto ou até ficar soterrado por medo dos julgamentos alheios que tanto ouvimos ao longo da nossa vida. O problema de tantas pessoas talentosas não aprimorarem suas habilidades, é que elas deixam se levar pelas incompreensões das outras pessoas sobre aquilo que são capazes ou não de realizar. Isso gera uma imensa frustração. 

Talento e vocação não podem ser medidos

Tanto o talento quanto a vocação não podem ser mensurados, pois isso é algo praticamente impossível, já que não conhecemos o “interior” das outras pessoas. Na vocação, você precisa ter coragem para saber o que realmente quer, pois todo vocacionado é corajoso e vai à luta de peito aberto. Já o talento precisa de tempo, esforço e muita dedicação para dar bons frutos, além de olhos sensíveis para ser reconhecido. Mas uma coisa é certa: as críticas, principalmente as destrutivas, devem ficar de fora na hora de exercitar suas habilidades ou de responder ao “chamado” vocacional. 

Agora que você conheceu a diferença entre vocação e talento, que tal fazer uma análise minuciosa e ver qual dos dois você tem? 

A MetLife sempre pensa no seu bem-estar e tranquilidade, em todos os aspectos. Oferecemos diversos tipos de seguros para que você e sua família fiquem resguardados de quaisquer eventualidades. Nossa equipe está sempre pronta para oferecer uma solução que mais se adequa às suas necessidades.