Por que apostar em equipes multiculturais?

Times com diversidade são mais eficientes perante incertezas e ajudam empresas a enfrentar mundo em constante mudança

Enquanto o mundo do trabalho segue em profunda transformação, as empresas buscam responder com agilidade às novas demandas. Uma das apostas é valorizar equipes multiculturais. As empresas sabem que, quando trabalham em colaboração, profissionais de diferentes culturas e áreas de trabalho geram muito valor ao negócio.

É também uma excelente oportunidade para crescimento pessoal e profissional dos funcionários: traz novas perspectivas sobre sua forma de atuar e oferece contato com novos modos de solucionar problemas. Criar ambientes multiculturais na empresa também atrai profissionais engajados em inovação, além de ser uma estratégia eficiente para aumentar a produtividade da equipe.

A MetLife entende que, além de agilidade, é preciso também segurança para lidar com as rápidas mudanças no mundo e nos negócios. Nossa equipe trabalha para adaptar nossos serviços à crescente demanda por diversificação nas empresas. Afinal, a tendência é que, com mais times multiculturais, a oferta de benefícios aos funcionários também se diversifique.

Como pioneira neste tipo de serviço e com experiência acumulada de mais de 55 mil clientes em 50 países, estamos sempre adaptando nossos serviços às particularidades de cada mercado. Queremos fazer escolhas inteligentes, junto com você.

Por isso, compartilhamos aqui alguns desafios de montar equipes multiculturais e por que elas podem ser vantajosas para você e seu negócio.

Boa comunicação é essencial

A diversidade ajuda a gerar inovação. Para isso, as diferenças culturais devem ser exploradas como potencial criativo e não como fonte de conflitos. A comunicação é fundamental, pois define como as pessoas se relacionam e colaboram em prol de um objetivo comum.

Do lado da gerência, é importante oferecer canais de comunicação eficientes e deixar clara a função de cada um. Fatores como organização e estrutura da equipe, grau de comprometimento dos colaboradores e eficiência de processos dependem muito de uma boa comunicação - e são fundamentais para o sucesso de equipes multiculturais. A gerência também pode facilitar a coesão do time e a confiança entre eles através de transparência e clareza na comunicação.

Além das exigências específicas para exercer cada função, os profissionais envolvidos em equipe multiculturais também devem ser abertos a novas ideias. É fundamental também que estejam comprometidos em buscar consensos e conclusões equilibradas em ambientes heterogêneos de trabalho, em que discordâncias são parte indispensável do processo. 

Diversidade em equipes é vantagem competitiva

Diferentes estudos apontam que times multiculturais têm mais autoconfiança e melhor capacidade para lidar com eventos não planejados. Além disso, pessoas que experimentaram trabalhar em equipes multiculturais apontaram que passaram a reavaliar suas perspectivas quando foram confrontadas com visões de colegas que eram diferentes das suas.

Conhecendo sua equipe

Ter uma noção clara de qual é o objetivo final do projeto, assim como das tarefas necessárias para chegar lá, é fundamental para montar qualquer equipe. No caso das equipes multiculturais, esta avaliação deve ser ainda mais rigorosa, pois deve-se levar em conta não apenas as qualidades individuais de cada colaborador, mas também como a interação entre tais fatores tão diversos impactará no negócio.

Pode ser útil reavaliar, ao longo do processo, se o tamanho da equipe e o perfil dos profissionais são adequados, já que esta interação entre diferentes culturas oferece insights que ajudam a aprimorar o trabalho enquanto ele ainda está em execução.

Transformar equipes para atrair novos talentos é um dos desafios das empresas no século XXI. Aventurar-se nestes desafios pode ser muito gratificante, pois traz benefícios tanto para empresas quanto para os profissionais envolvidos