Como organizar e manter áreas recreativas em sua empresa

Espaços interativos ajudam no desenvolvimento do funcionário e na produtividade de empresas

Em um mundo profissional tão agitado, aquele momento de lazer faz toda a diferença na hora de voltar ao batente. A pequena parada que faz com que a equipe se sinta mais leve para executar as tarefas, sabe? Com o objetivo de refrescar os pensamentos, muitos empresários criam áreas recreativas em espaços de trabalho.

Nós, da MetLife, acreditamos que para aumentar a produtividade, os empresários que usam essa ideia acertam, desde que façam encarem esse processo de forma estruturada. Por isso, vamos mostrar a importância desses espaços interativos e como organizá-los em sua empresa.

Por que levar atividades recreativas para empresas?

Os principais benefícios para cultivar a recreação na área empresarial envolvem cinco fatores importantes: senso de trabalho em equipe, motivação, criatividade, integração e autoconhecimento

Os resultados podem ser bem interessantes, destacando-se a diminuição do stress das equipes, principalmente em momentos conturbados que geraram desgastes físico e mental. Além de favorecer as relações da empresa, a prática de atividades lúdicas no ambiente de trabalho favorece a harmonia entre todos.

Como deve ser o local?

Uma das primeiras dicas é manter o ambiente com algum isolamento sonoro. Em outras palavras, ele ser silencioso. E isso vale para espaços como área de jogos, uma biblioteca, uma área de descanso com almofadas e poltronas, ou qualquer outra solução que você e seus arquitetos criarem.

Daí você pode perguntar: como assim silêncio em uma área de jogos? É possível sim. Espalhe normas de bom comportamento pela sala. Tenha em mente que esse tipo de ambiente é para os seus funcionários darem uma pausa e não virar um parque de diversões.

Descubra o conceito ideal de recreação para a sua empresa

Na hora de montar a sua área recreativa, planeja-se para desenvolver um espaço para toda a equipe. Se os seus funcionários não gostam de videogame e sim de leitura, não busque criar uma sala de jogos porque você acha mais divertido. Uma boa dica é consultá-los para saber suas preferências e transformar o processo de criação e montagem desse espaço em uma tarefa coletiva.

Dívida em grupos

A empresa não pode parar totalmente para relaxar, não é? Então coloque os funcionários em grupos separados para ocupar a área recreativa. Por exemplo, coloque uma parte da equipe entre 12h e 13h, e outra de 13h às 14h. Isso fará com que os próprios colaboradores se organizem com suas tarefas para ocupar o espaço no tempo determinado.

Procure profissionais experientes

Na hora de criar a área recreativa, busque os melhores profissionais para montar a estrutura que você deseja.

Por exemplo, se você pretende criar uma biblioteca, que tal contar com um bibliotecário? Sua atuação pode ajudar na fase da montagem, para orientá-lo sobre quais livros são recomendados para os seus funcionários, como também a disponibilização dos livros e artigos nas estantes, subdividindo em áreas de interesse. A atuação de um arquiteto é fundamental nesse projeto.

Criar uma zona de conforto para sua equipe vai influir positivamente na produtividade dos times, além de garantir bons momentos juntos. Organize o espaço e o horário de acesso ao mesmo e, claro, não esqueça de participar de vez em quando. Afinal, integração é tudo!