Por que contratar uma incubadora de empresas e quanto tempo mantê-la nesse nível?

O formato de trabalho é conhecido por auxiliar diversas organizações em evolução profissional

No mundo dos negócios, a imaginação é a base de tudo para colocar os projetos em prática. É importante compartilhar as ideias com quem sabe, e por isso, existem empresas que ajudam nesse processo até decolar de vez. Assim, são chamadas as incubadoras, instituições que oferecem suporte gerencial e infraestrutura durante um tempo determinado.

Nós da MetLife acreditamos que todo o tipo de criatividade para alavancar o seu negócio é bem-vindo. Por isso, vamos mostrar como a incubadora pode ser importante para você.

O que é uma incubadora de empresas?

É uma instituição com o objetivo de preparar micro e pequenas empresas para que elas sobrevivam no mercado. Para fazer isso, elas oferecem serviços de gestão empresarial, suporte técnico e formações complementares aos empreendedores. 

Dentro do pacote, estão inclusos espaço físico estruturado com salas de reunião, internet e acesso a ferramentas e equipamentos às empresas, como serviços administrativos como gestão financeira e marketing, e assistência jurídica.

Entre os benefícios, as incubadoras facilitam na conquista de parcerias, cursos de capacitação, consultoria com especialistas, entre diversos outros benefícios.

A maioria das incubadoras sobrevive de recursos públicos e não possui fins lucrativos, sendo interessante para o governo no incentivo de aquecer a economia do país.

Como entrar em uma incubadora? 

  • Inovação: avalie se sua proposta é inovador. Necessariamente ela não precisa ser um produto novo, sendo capaz de apresentar como uma melhora de algum serviço já existente no mercado.
  • Pesquisa: descubra as instituições que atendem o seu segmento na sua região e veja o calendário de inscrições. De acordo com a Anprotec (Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores), existem 384 incubadoras de empresas no Brasil, a maioria ligada às universidades.
  • Proposta: apresente uma proposta convivente para a incubadora. Inscreva-se nos processos seletivos e mostre o quanto o seu argumento é uma boa oportunidade.

Qual o tempo de duração em uma incubadora? 

O período de duração é variável de acordo com o seu projeto. Empresas de tecnologia podem se graduar em três anos, já empreendimentos na área de biociência permanecem incubados em até oito anos.

Esse tempo proporcional está dentro do pacote, após isso, a incubadora costuma cobrar uma taxa de manutenção. É importante também constatar que a inovação é um dos requisitos para que a empresa seja aceita. Atualmente, estima-se que 98% das empresas incubadas se reinventam.

Quanto tempo devo deixar a minha empresa incubada?

Dentro do limite permitido, perceba se sua empresa está tendo vantagens de acordo com o que foi proposto, mas tenha conhecimento antes de entrar nessa jornada se você está disposto a ficar com o seu projeto sem exposição durante o período. Avalie sua ansiedade, coloque o pé no chão e siga adiante rumo ao sucesso.