Declaração de Imposto de Renda 2019: Veja dicas importantes para preencher o seu documento

Atenção aos documentos e planejamento estão entre as melhores estratégias

Poder realizar a Declaração de Imposto de Renda on-line é uma facilidade muito importante para nossos dias e rotinas cada vez mais corridos.

E pensando em facilitar ainda mais o processo de declaração, listamos algumas dicas importantes para você. Vem com a gente!

Como fazer a declaração do IR on-line

Pelo computador é possível realizar o procedimento de duas maneiras: Por meio do download do Programa Gerador da Declaração (PGD) IRPF 2019, no qual é feito o preenchimento do IR. 

Ou ainda por meio da ferramenta Meu Imposto de Renda, disponível on-line direto no site da Receita Federal. No entanto, para esse último formato, é necessário ter um certificado digital.

Para quem prefere utilizar equipamentos como celular ou tablet, a declaração acontece por meio da ferramenta Meu Imposto de Renda, também disponível no site da Receita Federal.

Tenha todos os documentos por perto

Essa é uma dica essencial, afinal de contas só com eles é possível comprovar valores, pagamentos e recebimentos. Por isso, verifique a lista de documentos necessários para o preenchimento e comece a guardá-los com o maior prazo possível. 

Conheça os valores exatos do seu patrimônio

Para deixar a declaração ainda mais correta, vale a pena listar os valores pagos no ato da compra de cada item do que faz parte do seu patrimônio e não um valor aproximado. Essa é a forma mais tranquila de não cometer nenhum erro ao declarar.

Lembre-se da renda dos seus dependentes

Nesse caso é importante entender quem a Receita Federal entende como dependente e então listar os gastos e receitas dessas pessoas na sua declaração. Entra nessa listagem, filhos, netos e bisnetos, pais, avós e bisavós. 

No entanto é importante que algumas regras sejam compreendidas para que esses entes da família possam ser enquadrados nesse quesito. 

Lembre-se dos registros médicos

Por essa ser uma das partes da declaração que mais sofre com tentativas de sonegação, a Receita Federal trabalha com uma análise mais aprofundada dos dados.

Assim, para evitar problemas, é importante ter por perto todos os documentos que comprovem o uso de serviços médicos e documentos que comprovem as movimentações financeiras.  

Preste atenção na digitação

A escrita dos formulários precisa ser realizada com bastante atenção. Afinal de contas, um problema na digitação de um valor ou de um código de pagamento pode gerar uma grande dor de cabeça. 

Algo que pode ajudar bastante neste momento é a realização do rascunho on-line, disponibilizado sempre no início do ano pela Receita, e que, posteriormente, pode ser importado para declaração.

Um contador pode ser uma boa ideia 

Se essa for a primeira declaração ou se os dados forem muito complexos, buscar um contador pode ser uma excelente solução, seja para tirar dúvidas, seja para que ele realize todo o procedimento.