Planejar e alcançar a independência financeira pode levar menos tempo do que parece

Entenda como algumas ideias e atitudes simples são capazes de viabilizar a sua independência financeira no médio prazo

A rotina da vida moderna é intensa e muitas vezes leva da gente a possibilidade de aproveitar o que realmente gostamos. E, em grande parte das vezes, toda essa intensidade está diretamente ligada ao trabalho e à necessidade de conquistar uma vida confortável, certo? 

Mas e se essa fase cheia de tarefas e compromissos também for usada para viabilizar um plano para a sua independência financeira? 

Nós aqui na MetLife entendemos que uma vida plena está diretamente ligada ao que você pode fazer com seu tempo. E para que as escolhas sejam 100% focadas no seu bem-estar, não ter que se preocupar com dinheiro é algo realmente importante.

Por isso listamos algumas ideias que possibilitam a criação e o desenvolvimento de um planejamento financeiro de médio prazo para você conquistar sua independência.   

O que é e como definir seu planejamento financeiro

Planejar as finanças está no centro do sucesso para uma vida mais tranquila. E, para dar certo, é importante que esse planejamento faça parte da sua rotina diária.  

Em linhas gerais, o planejamento financeiro é uma maneira de ter controle e estar ciente sobre todos os valores que recebemos e gastamos. Como esse processo funciona e como ele pode ser administrado para que seja possível reservar uma parte do dinheiro para investir.

Com isso em mente, é importante traçar o caminho que será percorrido para buscarmos e atingirmos a independência financeira. Não importa se a ideia é alcançar uma quantia para trabalhar menos, ou simplesmente guardar um valor para financiar viagens e cursos, o importante é começar. 

Entenda que o objetivo deve ser alcançado em médio prazo

De forma simplificada, para que o planejamento aconteça é importante ter em mente que o ponto de chegada irá acontecer a médio prazo. Isso faz com que o planejamento e, principalmente, a mente, não sabotem o processo. 

Como parte disso, também é importante ter de forma clara o que é médio prazo para a realidade na qual estamos inseridos. Para alguns pode ser cinco anos, para outros dez.

Defina metas claras e entenda quanto pode ser investido 

Criar uma lista com o que estamos buscando a partir dessa independência financeira, é algo essencial. Pensar em valores e objetivos concretos como o lugar ideal para passar as férias, o carro que queremos comprar, a renda que queremos ter para trabalhar menos. 

Depois disso é a hora de anotar os valores de ganhos, os gastos e como eles acontecem para, a partir disso, definir o que pode ser cortado ou reduzido para que o excedente seja investido.  

Vale ter em mente que - para um projeto de médio prazo - quanto mais puder ser investido em menos tempo, melhor. 

Aumentar os ganhos é importante para investir mais 

Outro detalhe importante para viabilizar esse projeto é buscar possibilidades para ganhar mais. Tentar uma promoção no trabalho ou inserir atividades extras na rotina diária, vai fazer com que a receita cresça e mais dinheiro possa ser investido.

Vá além da poupança. Invista! 

Não há dúvida de que guardar dinheiro é a estratégia chave para a sua independência financeira. No entanto, é importante traçar uma linha de investimentos para que o dinheiro não fique parado e trabalhe em função desse projeto desde o início.

Diversificar a carteira de investimentos por meio de possibilidades conservadoras (Tesouro Direto) e arrojadas (Ações) é sempre uma boa ideia. 

A MetLife e o leque de serviços focados em previdência privada pode ser uma boa aposta para a realização de um investimento mais conservador de médio prazo sob o cuidado de um time atencioso com seu dinheiro. Agora, mãos à obra.