10 hábitos que podem gerar insônia e como evitá-los

Dormir bem é fundamental para a nossa saúde. Saiba como ter um sono tranquilo

Cansaço, irritação, dificuldade de concentração. Quem nunca sentiu esses sintomas depois de uma noite de sono mal dormida? Não é toa. A ausência do sono reparador, além de tirar a nossa disposição para enfrentar a correria do dia a dia, pode prejudicar a nossa saúde física e mental. 

Se você sofre de insônia, procure um médico para saber as causas do problema, mas fique atento. Alguns erros que você, sem perceber, comete na sua rotina podem estar contribuindo para agravar esse quadro. A MetLife listou 10 hábitos que são inimigos do seu sono. Veja:

1- Praticar exercícios físicos à noite

Sabemos que a rotina está cada vez mais corrida e que, para muitos, o período noturno é o único disponível para as atividades físicas. Porém, essa prática pode ter um efeito indesejado: a insônia.  

Quando você se exercita em ritmo pesado depois das 21h, chega em casa com o sistema circulatório acelerado e provavelmente vai demorar a relaxar até pegar no sono.  

Isso bagunça seu relógio biológico e leva ao cansaço. Portanto, prefira se exercitar durante o dia, de preferência no início da manhã. Dessa forma, você começa o dia cheio de energia para trabalhar e termina relaxado para dormir profundamente. 

2- Comer muito no jantar 

Comidas pesadas como carne vermelha, massas e feijão prejudicam mais o sono do que você imagina. Fique longe deles nas refeições noturnas! No jantar, prefira saladas, cremes leves, sopas e proteínas magras, já que digestão desses alimentos exige menos do corpo. O seu sono agradece!

3- Tomar café à noite 

Quase todo mundo sabe que a cafeína em excesso pode atrapalhar o sono, já que é um estimulante. No entanto, muita gente ainda insiste em minimizar seus efeitos tomando café ou outras bebidas estimulantes, como refrigerantes com cafeína, depois das 17h.  
 
Se você sofre de insônia e tem esse hábito, experimente tirá-lo da sua rotina. Para pessoas sensíveis ou que não têm o hábito de beber café, apenas uma pequena xícara é suficiente para tirar o sono. 

Depois que anoitecer, prefira bebidas como suco de maracujá e chá de camomila.  

4- Dormir em um ambiente desconfortável  

O quarto é o seu refúgio e um dos cômodos da casa que merecem cuidado redobrado com organização. Se você acha que convive bem com a sua bagunça, melhor repensar: ela pode estar atrapalhando o seu sono. 
 
Portanto, mantenha seu quarto livre de entulhos e bagunça, com poucos móveis, e garanta a boa circulação de ar. Para a decoração, escolha tons relaxantes como o azul claro, o verde e os tons de lavanda. Evite pintar as paredes de cores fortes e energizantes, como o vermelho, o amarelo e o laranja. Deixe o quarto o mais escuro e silencioso possível, usando cortinas tipo blackout.

5-Dormir com colchão e travesseiros inadequados 

Se você dorme em um travesseiro velho e desconfortável e está adiando a compra de um novo por achar o item caro, lembre-se de que é a sua saúde que está em jogo.  
 
Travesseiros e colchões inadequados, além de comprometerem a qualidade do seu sono, também podem causar problemas de coluna, dores musculares e dores de cabeça.

6- Acordar muito tarde 

Acordar depois das 11h da manhã pode ser a única opção para profissionais que trocam o dia pela noite, mas não é saudável e nem contribui para um bom descanso. Nosso organismo está acostumado a dormir à noite, quando tudo está escuro. A ausência de luz faz o corpo produzir a melatonina, um hormônio que controla nosso relógio biológico.

Se trocarmos o dia pela noite, a produção de melatonina se desregula e podemos sofrer de insônia. Portanto, se você não trabalha durante a madrugada, tente dormir cedo e acordar cedo.  

7- Nunca se desligar dos problemas  

Todos têm pelo menos um motivo de preocupação, afinal, os problemas fazem parte da vida adulta. No entanto, não dá para viver pensando neles o tempo todo. O excesso de preocupações, sem dúvida, é inimigo do sono e da sua saúde física e mental 

Procure não levar os problemas para a cama! Faça uma lista das suas principais preocupações e dos passos que você pode tomar para solucioná-las ou, pelo menos, diminuir o impacto delas na sua vida.  

Uma dica é procurar uma atividade que distraia a sua mente e ao mesmo tempo relaxe, como ler um livro ou meditar, antes de dormir. 

8- Fumar e consumir bebida alcóolica 

O cigarro causa diversos malefícios à saúde, mas o que muita gente não sabe é que a insônia é um deles. Durante o sono, o fumante entra em um estado de abstinência à nicotina, o que acaba provocando despertares ao longo da noite. 

Já o álcool, mesmo que tenha efeito relaxante, causa insônia por prejudicar a fase profunda do sono. Ele também pode agravar casos de ronco e apneia, já que provoca o relaxamento dos músculos da traqueia.  

9- Não ter um horário regular para dormir 

Pode parecer difícil, mas dormir todos os dias no mesmo horário vai mudar a sua vida! Esse hábito faz o corpo se "programar" para descansar sempre no mesmo período do dia. 

Definir um horário fixo tanto para dormir como para acordar diariamente faz com que o corpo gaste e recupere as energias de forma mais eficiente, o que diminui as chances de insônia. 
 
10- Deixar a TV do quarto ligada depois de ir para a cama 

A melatonina é um hormônio produzido naturalmente pelo nosso organismo e uma de suas funções básicas é a indução ao sono. Ela começa a ser produzida quando o dia escurece, para ajudar o organismo se preparar para dormir. 

Se você deixa a TV ligada quando vai se deitar, a claridade da tela interromper a ação da melatonina. O resultado? Insônia ou uma noite de sono ruim.