Como proteger o seu sono de uma rotina agitada

Simples hábitos ajudam você a controlar uma boa noite de sono

Em um mundo em que os dias passam tão rápidos pela quantidade de demandas que nos propomos a fazer, a insônia é uma das características que mais assola o país. Segundo a Associação Brasileira do Sono (ABS), 73 milhões de brasileiros sofrem com esse distúrbio.

Um dos motivos é o excesso de agitação referente ao dia atribulado de tarefas, o que leva falta de sono constante e cansaço acumulado.  

Nós, da MetLife, nos preocupamos com seu bem-estar e sua saúde. Por isso, mostramos algumas dicas de como você pode cuidar do seu sono diante de um dia movimentado.

Evite bebidas que te deixam mais agitado 

Você chegou com todo entusiasmo e quer dormir bem, por isso decidiu relaxar tomando alguma bebida? Cuide o que vai ingerir para não ativar ainda mais o seu cérebro.

Bebidas alcoólicas e o tradicional cafezinho são exemplos que devem ser evitados antes de ir para a cama, pois são estimulantes do corpo e do cérebro. Nessas horas, tome suco, água ou chá de camomila. Os demais chás devem ser orientados com seu médico já que alguns direcionam efeito contrário ao relaxamento.

Tentar dormir sem estar cansado pode ser prejudicial

É difícil dormir quando não se tem sono, já que o hábito aumenta as chances de ansiedade quando você fica rolando na cama e mexendo de um lado para o outro. 

Nessas horas, o ideal é ouvir uma música mais lenta, de preferência meditativa para que o corpo e a mente entram em transe.

Não pratique atividades antes de dormir

O dia intenso de trabalho acompanhado da prática do exercício físico provocam picos de adrenalina, sendo impossível pegar no sono. Evite exercitar-se horas antes de ir para a cama. Prefira fazer pela manhã. Mesmo que você tenha dificuldades em acordar cedo, aprenda a adaptar seus horários para não influenciar no sono. Além disso, a atividade física no início da manhã libera gera melhor disposição.

Aparelhos eletrônicos são prejudiciais 

Você passa o dia utilizando celular e o notebook, chega à noite e continua com a mesma rotina. Isso não vai dar certo! Desligue-se dos aparelhos eletrônicos em casa. Além de manter o cérebro em alerta toda vez que receber uma mensagem ou atualização, a iluminação compromete o sono.

Pode ser uma tarefa difícil, mas será de extrema necessidade. Troque os aparelhos eletrônicos por uma boa leitura, uma música ou simplesmente o silêncio, assim você vai desapegando dos pensamentos do trabalho.

Evite jantar perto da hora de dormir

Se você é daqueles que trabalhou o dia inteiro e chega em casa com muita fome e ataca o que tiver na geladeira, saiba que isso vai lhe dar ainda mais dor de cabeça. O que você coloca no prato influencia no seu descanso. Alimentos que promovem oscilações bruscas da glicemia, por exemplo, devem ser evitados momentos antes de ir para a cama. 

Por isso, troque guloseimas, lasanhas e frituras por sanduíches, sopas, sucos, legumes e verduras, alimentos mais leves que levam à saciedade e ao bem-estar, e claro, ingira no mínimo uma hora antes de deitar-se.

De olho no sono!

A hora de dormir é sagrada. O recomendado pelos especialistas é dormir entre seis e oito horas por dia. Busque esse período para que o seu próximo dia seja tranquilo e produtivo.