Truques para manter as crianças saudáveis e felizes por longos tempo em casa

O segredo, como sempre, é o equilíbrio. Até brincadeira entra na lista

A turminha está mais em casa agora, graças ao isolamento social. Mesmo que passageira, essa fase serviu e serve, para a gente ter atenção a formas novas de manter a saúde e equilíbrio dos pequenos. Mas, em casa, é mais complicado: a guloseima está logo ali, a vontade de simplificar o jantar já que estamos todos atarefados é grande entre outros desafios.

Então, como manter as crianças saudáveis mais tempo quando estão em casa? Nós da MetLife pensamos em algumas dicas. Vem com a gente! 

Convide as crianças para ajudar a montar um cardápio saudável

Criança gosta de ser desafiada, de ser colocada a prova em sua capacidade e criatividade. Com esse ponto de partida, e já que alimentação é sempre um pouco importante, que tal transformar a escolha do cardápio da família em uma tarefa colaborativa? 

Vale inventar receitas com ingredientes que os pequenos curtam, buscar soluções saudáveis com o mesmo sabor e ingredientes semelhantes, entre outras ideias.

Crie dinâmicas divertidas para as obrigações de cada um

O mesmo tom de brincadeira pode também dar ideia a um ritmo diferente nas obrigações em casa. Lavar a louça, vira uma pontuação com base no tempo gasto, varrer a casa um concurso de coreografias que também ajuda a gastar energia! 

Até a hora de arrumar o quarto pode ser transformado em episódios de um reality show doméstico filmado e exibido após o jantar.

Esteja presente na realidade delas a todo momento

E, claro, carinho e atenção também ajudam a cuidar de uma saúde muito especial, a saúde mental. A ansiedade crônica deve ser amparada com ajuda profissional, claro. Mas, nos casos mais leves, companhia e conversa, estar presente na hora certa, enfim, faz toda a diferença.

Procure "visitar" o mundo dos pequenos, saber como estão, o que pensam do momento e de seu futuro e quais são as suas dúvidas. Mostra-se humano e presente, vale mais do que posar de super-herói.