Entenda por que cuidar dos pés garante melhor qualidade de vida

Os pés nos sustentam durante todo o dia. Por isso, é importante que cuidemos deles

Durante todo o dia, com a correria, é normal não darmos atenção aos nossos pés. Porém, quantas vezes você já chegou em casa com eles doloridos ou inchados? 

Nós da MetLife nos preocupamos com seu bem-estar. Por isso, reunimos algumas boas dicas para você cuidar dos seus pés e se sentir ainda melhor. 

Cuide bem dos seus pés

Os pés sustentam nosso corpo o dia inteiro, seja você um atleta ou uma pessoa que tem um trabalho comum. Eles refletem a saúde do corpo, pois contêm terminações nervosas que os ligam com diferentes partes do organismo.

Por exemplo, quando ficamos o dia inteiro sentados é normal que os pés inchem por falta de circulação sanguínea. Já quando ficamos de pé por muito tempo, eles podem ficar com a sola dolorida. 

Cãibras, suor e baixa temperatura nos pés são alguns dos sintomas que nosso corpo pode dar para avisar que algo não está bem. A cãibra pode ser um sinal de má circulação, má hidratação ou falta de algum nutriente no organismo.

Por isso, é importante cuidar bem dos nossos pés e investigar qualquer alteração que venha acontecer com eles.

Dicas de como cuidar dos pés

Abaixo, confira dicas de como cuidar dos nossos pés para mantê-los saudáveis e relaxados.

Use sapatos confortáveis

Algumas pessoas passam horas de pé por conta do trabalho. Nessa situação, fazer uso de um calçado confortável é a melhor escolha. 

Na hora de comprar um calçado verifique se ele é confortável e maleável. Borracha ou outros materiais duros podem machucar os pés, ainda mais para quem se locomove muito durante todo o dia.

Para quem gosta de praticar esporte ou fazer caminhadas, é preciso comprar um calçado que tenha amortecedor. Dessa forma, enquanto você pratica o esporte, o calçado irá absorver os impactos, aliviando a pressão sobre seus pés.

Ande descalço

Andar descalço mantém os músculos ativos e preserva a saúde dos pés. Isso porque, o contato com o pé diretamente no chão faz com que todos os músculos e tendões sejam movidos. Já quando estamos com tênis ou sapato o pé fica “preso”, dificultando a movimentação dos músculos e tendões dos pés.

Porém, quem tem diabetes precisa tomar cuidado ao andar descalço para não se machucar. Outro cuidado vale para os idosos, que tendem a escorregar mais e, por isso, precisam utilizar sapatos antiderrapantes.

Hidrate-os

Os pés também precisam ser hidratados, já que também ficam ressecados. O ressecamento pode provocar pequenas rachaduras, onde bactérias podem entrar. Então, escolha um creme de sua preferência e aplique-o diariamente. Além disso, evite passar muita lixa, pois ela engrossa a sola e aumenta a calosidade. 

Faça um escalda-pés

O escalda-pés proporciona bem-estar e relaxamento, não apenas para os pés, mas para todo o corpo. Como os pés possuem terminações nervosas que estão associadas aos diversos órgãos do corpo humano, ao aquecê-los, uma onda de relaxamento é enviada para o corpo.

Para fazer o escalda-pés, coloque água morna (entre 36ºC e 40ºC) em uma bacia, junto com ervas de sua preferência. Se você quiser, pode acrescentar óleo essencial (cada óleo tem suas propriedades) e sal (ajuda a drenar o excesso de líquido e diminui o inchaço). 

Os pés devem ficar dentro da bacia durante 15 minutos. Você pode massageá-los com a ajuda das ervas. 

O escalda-pés deve ser evitado para quem tem diabetes, arteriosclerose ou doença de Buerger.

Nossos pés são muito importantes para realizarmos as tarefas do dia a dia. Por isso, cuide bem deles para que eles e o corpo se mantenham saudáveis.