Delivery: como receber comida da rua em tempos de quarentena?

Higiene de embalagens deve ser feita antes de abrir a porta de casa

Já que temos que #FicarEmCasa, uma das alternativas para menter a vida funcionando é fazer uso de aplicativos de entrega. Isso é ainda mais verdade quando temos que improvisar um almoço o jantar e o celular está ali ao lado, cheio de opções. Mas será que é seguro pedir refeições em tempos de isolamento social?

Nós da MetLife, sinalizamos algumas dicas para esse momento transcorrer sem sustos e com segurança para todos os envolvidos!

Dê preferência a restaurantes conhecidos

Uma das melhores formas de se proteger quando o assunto é receber comida em casa, é investir no comércio local. Sabe aquele restaurante charmoso que você sempre costumava ir após a correria do sábado pela manhã? Então, muito provavelmente ele está sobrevivendo a partir de entregas. 

Então, procure-o em aplicativos ou então ligue diretamente. Como é um restaurante conhecido, a chance de você já ter confiado na limpeza e honestidade do estabelecimento é maior, certo?

Higienização deve ser feita na portaria 

Vale lembrar que o processo de higienização deve ser feito na porta da rua ou na portaria, levando em consideração tudo o que você tem lido, visto e ouvido na imprensa. 

Ou seja: saia de casa para receber a encomenda com máscara e luvas e exija o mesmo por parte do entregador. Ao receber o seu pedido, utilize álcool gel em todas as sacolas que, se possível, devem ser descartadas antes de entrar em casa.

E por falar em entrar em casa, caso a distância de sua unidade até a portaria seja grande, chinelos e tênis devem ficar do lado de fora no retorno, tá bem? Todo cuidado é pouco.

Cuidado no descarte das embalagens

Para fechar, outro recado importante: o descarte das embalagens deve considerar algumas regras básicas de higiene e segurança para não contribuir para a disseminação até mesmo para quem lida com ele, como os faxineiros e zeladores em seu condomínio e os profissionais de coleta urbana. 

A melhor maneira de descartar, então, é higienizá-las ANTES de levá-las ao lixo para, dessa forma não funcionarem como agentes de contaminação.