LER e DORT – Como evitar lesões por esfoços repetitivos relacionado ao trabalho

Conheça os sintomas, tratamentos e como evitar as lesões por esforços repetitivos relacionadas ao trabalho. Dicas para trabalho home oficie.

LER e DORT são as mais comuns lesões que atinge o trabalhador e o mundo corporativo — locais de trabalho inadequados, movimentos repetitivos, pressões etc. LER e DORT, são praticamente elas mesma coisa, ambas representam lesões do sistema osteomuscular. É muito fácil confundir os termos, já que a semelhança entre os sintomas é bem significativa.

O que é LER?

LER - Lesão por Esforço Repetitivo é uma síndrome que inclui um grupo de doenças com sintomas como dor nos membros superiores e nos dedos, dificuldade para movimentá-los, formigamento, fadiga muscular e redução na amplitude do movimento.  Essa síndrome é constituída por um grupo de doenças – tendinite, tenossinovite, bursite, epicondilite, síndrome do túnel do carpo, dentre outras.

O que é DORT?

Também chamada de DORT - Distúrbio Osteomuscular Relacionado ao Trabalho, LTC - Lesão por Trauma Cumulativo, AMERT - Afecções Musculares Relacionadas ao Trabalho ou síndrome dos movimentos repetitivos, é causada por mecanismos de agressão, que vão desde esforços repetidos continuadamente ou que exigem muita força na sua execução, até vibração, postura inadequada e estresse. o termo DORT designa apenas as lesões em que há correlação do quadro clínico com o trabalho desempenhado pela pessoa. Pessoas que trabalham com computadores, em linhas de montagem e de produção ou operam britadeiras, assim como músicos, esportistas e outros, estão sujeitos a essas condições.

Quais as principais causas

Quando o ambiente trabalho não é respeitado e adequado, são maiores as chances de adquirir um distúrbio osteomuscular relacionado ao trabalho.

Neste contexto, as causas da LER / DORT estão diretamente relacionadas a esses fatores. São eles:

·         excesso de movimentos repetitivos;

·         postura incorreta;

·         preparo físico insuficiente;

·         ausência de pausa e descanso;

·         local de trabalho — mesas e cadeiras — inadequado;

·         jornadas excessivas;

Além disso, incluem-se os fatores psicossociais, como: ansiedade, estresse ocupacional devido à pressão, ambiente pesado, busca por perfeccionismo, depressão, dentre outros.

Quais são os sintomas mais comuns?

Dentre os sintomas mais comuns da LER e DORT, podemos citar:

·         dor localizada;

·         desconforto físico no final do dia;

·         cansaço excessivo;

·         formigamento nas extremidades;

·         paralisia e parestesia;

·         perda funcional;

·         inchaço local.

Dicas para evitar lesões na hora do trabalho.

Veja algumas dicas muito uteis para aplicar durante a rotina de trabalho, principalmente para quem trabalha mais tempo home oficie, pois o conforto do lar, pode conflitar a ideia de confortável com o que é adequado.

·         A cada 25 minutos de trabalho de digitação faça uma parada de 5 minutos;

·         A cada uma hora de digitação, saia de sua cadeira e movimente-se;

·         Beba água regularmente ao longo do dia;

·         Tenha postura adequada: ombros relaxados, pulsos retos, costas apoiadas no encosto da cadeira;

·         Mantenha as plantas dos pés totalmente apoiadas no chão;

·         Mantenha um ângulo reto entre suas costas e o assento de sua cadeira;

·         Sua cadeira deve ser do tipo ajustável para sua altura em relação à mesa de trabalho, e seu encosto deve prover suporte integral para suas costas. O assento da cadeira deve se ajustar a você e nunca deverá tocar a parte interna de seus joelhos, pois se isto ocorrer poderá afetar a circulação do sangue em suas pernas. O apoio de braços para cadeira é ergonomicamente questionável, no entanto se desejá-los, certifique-se de que: os apoios não estão muito próximos ou muito afastados; muito baixos ou muito altos. A cadeira é uma das peças mais importantes na prevenção de lesões, portanto não justifica economizar algum dinheiro e adquirir algo deficientemente projetado;

·         Não utilize apoio de pulso durante a digitação, pois se assim o fizer estará correndo o risco de provocar compressão nos nervos de seu pulso (túnel do carpo); a digitação deve ser feita com os pulsos ligeiramente levantados. Os apoios de pulso são projetados para permitir o repouso confortável de seu pulso durante as "pausas";

·         O monitor do computador deverá estar a uma distância mínima de 50 e máxima de 70 centímetros, ou de maneira prática a uma distância equivalente ao comprimento de seu braço. A regulagem da altura da tela deve ser tal que se situe entre 15 e 30 graus abaixo de sua linha reta de visão.

Qual o diagnóstico e tratamento?

O diagnóstico é feito por meio de exame clínico e de imagem. A tomografia computadorizada, a ressonância magnética e a ultrassonografia podem ser muito úteis, mas é importante que seja feita uma avaliação multidisciplinar e determinar as causas para seja feito o tratamento adequado.

Agora que você sabe mais sobre LER e DORT, conheça mais o Blog da MetLife Brasil e fique por dentro de dicas e conteúdo de Saúde e bem-estar para ajudar a ter mais qualidade de vida e disposição. Conheça também nossos produtos de seguros de vida e acidentes pessoais, e se proteja conta os imprevistos.