Trabalho doméstico transformado em exercício físico: Saiba como aproveitar sua casa para manter a forma

Construir séries de movimentos durante a realização de atividades cotidianas é uma boa aposta para manter o corpo em funcionando em sua melhor forma

A gente sabe que entre as diversas batalhas que precisamos travar como parte de uma rotina contemporânea agitada, manter uma sequência regular de atividades física é uma das mais complexas.

No entanto, à medida que os desafios surgem, também é possível aproveitar algumas ideias interessantes para manter o corpo em movimento e a saúde em dia. Atualmente, uma nova tendência tem surgido entre pessoas de diversas partes do mundo: A realização de atividades domésticas como exercícios físicos.

Afinal de contas, diversos movimentos que fazemos para limpar espaços de casa podem ser utilizados para garantir melhor condicionamento físico, se realizados da forma correta, não é verdade?

Com isso em destaque, a equipe MetLife elencou algumas ideias interessantes para fazer parte do nosso dia a dia, auxiliar na limpeza dos nossos espaços e ainda melhorar a nossa forma física. Vem com a gente!

Diferença entre atividade física e exercício físico

Antes de começarmos com os movimentos, é importante compreender a diferença entre atividade física e exercícios físicos. Atividade física é designada como qualquer movimento produzido pelo corpo, ou seja: Varrer, passar pano, lavar banheiro. Já o exercício físico consta como uma atividade planejada, com um objetivo específico: Musculação, caminhada, corrida.

No entanto, a realização de uma ação não suprime a outra, já que no final das contas o que muda é a intensidade e os resultados alcançados. 

Lavar roupa, esfregar o chão: Foco nos músculos superiores 

Algumas atividades realizadas em casa auxiliam no trabalho de diversas partes do corpo ao mesmo tempo. Esfregar o chão, por exemplo, força músculos como abdômen , bíceps, tríceps, ombros, costas e alguns músculos das pernas.

Lavar, passar e estender roupas no varal também trabalham um grande grupo de músculos superiores. No entanto, é importante ficar atento à necessidade de realizar esses movimentos de forma concentrada.

É importante sentir os músculos sendo requisitados, mantê-los contraídos por um período de 10 a 15  segundos, durante a realização do movimento e dar um descanso após o final da série de repetições.

Foco no gasto calórico: Movimente-se durante tarefas estáticas 

Outra ideia interessante é inserir movimento durante a realização de tarefas estáticas. Dançar enquanto lavamos a louça ou passamos roupa, é uma boa aposta.

Aumente o ritmo das tarefas e deixe elas mais intensas

É interessante buscar a realização de movimentos cada vez mais intensos e específicos durante a limpeza. Com isso em mente, sentir o trabalho da musculatura se torna mais fácil. No entanto, buscar uma rotina de alongamento, antes do início das atividades, é sempre recomendável.

Pegue a sujeira do chão, cuide do jardim: Foco nos músculos inferiores 

Agachar para apanhar as sujeiras, focar na limpeza do jardim e retirar ervas daninhas das plantas, é uma boa forma de trabalhar a parte posterior dos músculos das pernas. 

Essa é uma movimentação que necessita de bastante atenção, já que costas e joelhos não podem ser forçados. A ideia é começar com repetições lentas, até entender seu funcionamento, e posteriormente aumentar a sequência.

Atenção para a realização desses movimentos em casa

É importante ficar sempre atento a forma como esses movimentos afetam o corpo. Buscar aconselhamento médico é essencial. Com isso definido, é interessante encontrar formas de dividir as séries de movimentos, para que seja possível descansar entre 30 e 60 segundos entre cada uma delas.  

E claro, além de cuidar da saúde e do corpo, é importante contar com uma equipe capaz de garantir cuidados em todas as fases da vida e a MetLife, por meio de sua cesta de cuidados, é sempre uma boa ideia.